Lezies visitantes!


Lezies Count

quinta-feira, 30 de abril de 2009

Elas merecem um abacaxi...

No horóscopo Chinês, Abril é o começo, como sou aniversariante desse mês, devo dizer que Abril é um mês de gente guerreira e show de bola..rs.
Para quem viu o Cazuza na Gu-lobo esses dias,lembra que ele disse mais ou menos: Ariano não bate na porta, simplesmente entra. Somos da tribo do Abraço...

Eu ganhei um único presente: uma mensagem linda de Tina-Chocolate-noite romântica..

Mas, para algumas mulheres, o presente mágico de abril é uuuuuuuuuu --- Abacaxi!!!

Mas, porque o abacaxi?

Porque isso combina com programa de tv - chacrinha ao Silvio..heherrê..

Ok.. Vamos lá.

Vocês já ouviram falar da Miss Califórnia em seu depoimento bombástico? Eu nem tive a preocupação em saber do nome dela, pois já basta ela ter dito, numa tradução básica: Casamento tem de ser com pessoas de sexos opostos.

Oras.oras minha loira esquelética, deverias saber que Califórnia tem mais lez que o próprio complexo prisional de Cuba, ou mesmo, a bela litorânia de Los Angeles. Coma abacaxi... O segundo lugar já é muito para ti, como assim disse um dos jurados, que se duvidar aquela aliancinha na sua mão é resultado de um casamento com um parceiro bem gotoso como ele.

O segundo abacaxi vai para...o que é o que é..

Ela foi vista semana passada magra feito cana-de-açucar no sertão, depois de mostrar ao mundo que mulher bonita também pode ser gay, namorando aquela DJ que deve ser uma coisa na cama, depois do final do namoro, advinha? Foi tentar voltar ao homus.

Certamente aquela magresa é resultado do desagrado em voltar a fazer sexo com um homus...

Enfim, Vai um abacaxi para a Lohan...

O terceiro lugar, com um "ananas" - abacaxi importato especialmente ao presidente dessa minha ilha perdida. Depois de 2 anos de vários projetos, o camarada acabou vetando no congresso o projeto de liberar o casamento entre pessoas de mesmo sexo. Detalhe, o presidente tem todo caqueado de que adora um abacaxi entre as pernas..hehe.

E, sem mais abacaxis... já que a crise ta grande, devo entregar um troféu feito especialmente pelas índias nuas da amazonia - para minha amiga, ex-miss Minas Gerais, que o destino me colocou como uma de minhas melhores amigas, linda de morrer.

Como é bom envelhecer, depois de mais quase uma década, ela engordou 8 quilinhos, graças a deusu, e veio me mostrar que a natureza da carne é boa demais. Linda "Sú", tu para mim é a ´Miss Universo. Te adoro loirinha gotosa!!!

Há presente melhor que a amizade para ganhar nesse mês? hehe.

Bjus a todas da tribo do Abraço!!!

Bette.

quarta-feira, 29 de abril de 2009

As salas cheias, mostram que todos estão vazios

São exatamente 20h1m, estou na cidade que trabalho e “quase” moro.

Entrei na net, encontrei a Bette, puxei conversa e ela disse que estava ocupada com seu homem, logo fui acessar uma sala de bate-papo porque me sentia sozinha, queria conversar com alguém, ainda que fosse um desconhecido.

Absolutamente todas as salas estavam cheias, não conseguia entrar em nenhuma. Digo então para Bette. Ela logo me dá a grande idéia de fazer um post. Me indica até o título – eis aqui acima do texto - As salas cheias, mostram que todos estão vazios. Eu achei ótimo, aliás, todas concordam que a Bette é ótima, né?

Mas foi o que constatamos juntas. Todos se sentem vazios e correm pras salas lotadas de bate papo na esperança de encontrar um ombro amigo. E olha, tentei de tudo, estados, temas, amizade, só a de religião não tinha tanta gente, mas não me adiantaria, sou atéia e só iria chatear as pessoas com minha visão marxista do mundo.

Acabei fazendo uma pesquisa mesmo e vi que a sala de vídeos eróticos é a mais lotada de todas!!!!!!!! UAU...o mundo ta cheio de tarados, e não sei porque mas quando entramos aparece só salas de heterossexuais, não existe vídeos eróticos para homossexuais,? Até queria dá uma espiada em duas mulheres lindas se pegando,mas...

Bom, agora, como sempre, a minha casa está cheia de maluca – as amigas do cara que divido a casa – e não consigo me concentrar pra escrever nada. Inclusive, nunca pensei que havia um tipo de mulher que não gosto...as barulhentas, gente, odeio mulher que fala alto, principalmente as com vozes muito agudas, é um saco! Mas voltando, deixo a pergunta:

- E vocês, porque entram em salas de bate papo?

xxxShanexxx...com um empurrão de Bette.

terça-feira, 28 de abril de 2009

ESCLARECIMENTOS:

É lamentável o que aconteceu hoje (28.04). Em especial a Shane e Alice, gostaria de pedir desculpas pela invasão no blog.


Quero esclarecer a vocês que a postagen anteriormente, não foi escrita por nenhuma de nós responsáveis por esse ambiente que tornamos parte de nosso desabafo e expressão do nosso mundo.

Afirmo que as seguintes palavras a quem leu na postagem que foi apagada com título (amo bette), não foram de fato escritas por nós:

"Teu sorriso, tua força, tua voz...ès uma mulher incrível em todos os gêneros. Sabe lidar com dores e alegrias como ninguém".

Qualquer mulher ficaria encantada com tais palavras, mas, a forma de fazer isso, através de uso indevido de uma senha é certamente má fé.

Novamente devo dizer que é lamentável esse episódio.

Sem mais.

Bette.

XXXXAPAGADOXXXXX

By Bette.

sexta-feira, 24 de abril de 2009

Mens sana in corpore sano

Quem nunca ouviu falar do provérbio latino?
Mente sã em corpo são...

Eu também já.

Tudo bem com vocês? Um bom dia Ladies,

quero alertá-las que hoje aqui é papo sério..rs.

Resolvi não só praticar um pouco de latin, mas exercitar o ditado na carne.

Estou falando de melhorar meu corpo e minha mente, me enriquecer de coisas intelectuais e tirar as porcarias. Novos conhecimentos, trocar o jornal gratuíto das fofocas pelos que ferem no bolso nos 1 à 2,50 euros - 3 a 7 reais, El Pais - Espanha, Le Monde - França,e o Inglês Business Week...

Não é fácil trocar a grana do Croissant de chocolate com coca zero, por papel, mas enfim, é hora de mudar o corpo e a mente.

Vale até assinar pacote na tv cabo. Mas, pausa para dizer que a globo veio só por causa do Jô Soares, pois entra na receita de engorda intelectual, e Claro, claro, o Serginho Groisman com o aqui se fala português- sabiam que feiúra, agora é feiura? ahaha, muito útil!!!

Em relação ao Jô, ontem na programação meio atrasada da tv Cabo, entrevistou o InriCristo, atenção para a notícia bombástica: para o louco novo cristo, a nova jerusalem sabem onde fica? 1, 2, 3... Quem disse - Brasília, vai ganhar um doce light!

Meu deuzu, será que os apóstulos tem algo como Lula Inácio PEDRO da Silva?

Ah, vamos, isso não é notícia.. Masssss, caso queiram um intervalo para analizar aquele ser que leva as "inriquetes" cantando Britney Spears - penso que se o jisuss do novo século gosta dela, vai gostar de mim também - é só clicar: www.inricristo.org.br.

Voltando ao papo sério, já conferiram mesmo que você pode ser um dos filhos do Presidente dos los hermanos paraguaiosss? Já encontram 3.., candidate-se a próxima poderá ser você!

E por falar em criança, alguém sabe me dizer porque que ninguém quer deixar Madona adotar aquela menina africana? Será que acham que a fortuna dela não dá para comprar leite, ou se é porque ela burlou a lei adotando um modelo com mais de 18 anos e ainda por cima chamado de jesuus?

Enquanto Madona fica brincando de casinha, os primeiros ministros da Espanha e Portugal ficam no país se estapiando com as novas eleições, e Nelson Mandela é usado para apoiar campanha na África do Sul, eu penso no que se passa com o Senado Brasileiro: Já colocaram seu nome para receber uma passagem "de-gratis" com seu deputado ou governador preferido? Vou dar um exemplo: É, só você em Minas pedir para o Neves: tio, coloca passagem na conta do Congresso que eu quero ir conhecer Bette nas Europas?... E no Maranhão, com mais de 30 mil desabrigados pelas cheias do Rio Mearin, diga: Tia Roseana Sarney, quero me mudar daqui, aqui tá muito alagado, dá uma passagem na conta do Congresso?

Ok, se você não tiver sangue azul, vale tentar assaltar um navio. Queridas, eu vi aqui o Pirata Somaliano preso nos EUA, e pensei que pirata fosse só coisa de Capitão Gancho em Peter Pan. Olha como fazer dieta me deixa inteligente?!

Bem, vou parar por aqui porque não fazem nem 2 anos que eu tive cabelos naturalmente fornecidos pela "Wellaton" em cores loiras, portanto, ainda tenho o cérebro afetado.

Mas, só para finalizar com fofoca, pois ninguém é de ferro: Viram a Miss abacaxi colifórnia e a Linda (rs) Lohan envergonharem o mundo lez?

Amanhã conto esse babado. Mando de presente a elas duas o jogador Brasuca Pepe (naturalizado português), que essa semana deu uns socos e chutes básicos e vai passar uns meses sem jogar, para visitar as duas. Como ele não tá fazendo nada, vai dar uns tapinhas básicos no bumbum delas.

Beijo da Bette, como o tio JÔ fala.. chmualll!

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Processador Dual Core ou Pentium arcaico?

Não! Você não está enganada! Esse é sim um post do Lez Girls!

Dual Core consiste numa tecnologia que o processador tem de usar 2 núcleos.

Resolvi adequar esse conceito ao nosso mundinho, e vejam só, dual core são as pessoas que gostam de meninos e meninas, assim como o Renato Russo.

Antes eu gostava só de meninos. Como diz Katy Perry, com frase adaptada, ur so gay and you don't even like girls. Eu era tão gay, e nem gostava de meninas.



Jogava futsal, andava com cabelo preso, usava all star, tatuagem, mas pegava um monte de bofe por aí. Só não conseguia fazer nenhum deles me levar à sério.

O povo dizia que eu era toosha, e eu chorava aos montes pensando que não era, e levava a culpa por algo que não tinha feito.

Aí, como diz Missy Eliot com as totosas Pussycat Dolls, brinquei de Katy Perry, and I Kissed a Girl!



Desse momento, mudei um pouco meu comportamento, mas levou um tempão pra chegar onde estou. Antes eu me comportava daquela forma, e também me vestia daquele jeito, pois não queria chamar atenção pelo que as pessoas viam, e nisso, vi minha tática cair por terra, e chamar atenção de outra forma.

Depois de muito tempo, comecei a sair nas ruas do jeito que eu sempre quis: mais arrumadinha, ia pras festinhas de maquiagem, decotezinho, cabelinho solto e bem tratado...

Entõ foi que passei a chamar atenção dos meninos e das meninas. E a vontade sempre foi de fazer os dois, assim como a Lady Gaga se acaba com os policiais em Love Game.



Até tive um relacionamento onde eu acordei que poderia ficar com ambos, mas aprendi com o tempo que isso não dá certo.

Agora estou em outro relacionamento mega monogâmico (o que eu até gosto, pois não perco melanina nos cabelos de tanta preocupação pensando se ela está com outra pessoa, evitando o surgimento de fios brancos), e as pessoas questionam muito minha namorada se não sou Dual Core. Meu problema agora é que meu processador que virou um mero Pentium em seus primórdios, e às vezes morro de vontade de ser Dual Core...

Qual processador é melhor?

xxAlicexx

Memórias da meia-noite...

Acredito que já passei pelo meu inferno astral, mas urucubacas continuam acontecendo.
Empreguinho marron, quedas de vez ou outra na rua, uma dor filha da ppp na lombar me faz até achar que o disco que tocou essa semana para Rita Lee, a mais famosa hérnia de disco da grande rainha do cabelo vermelho brasileira, também vai chatear a Bette aqui, uma simples mortal professora de salto alto para mulheres.

Mas, o que mais perturba a beleza de uma pele com eternas olheiras nos olhos é não dormir uma noite. Não há base que ajude, minhas amigas. O sol parece doer a ponto de cegar.

Tenho pesadelos constantes, acho que estou virando serial killer a noite. Já matei meus ex-namorados, minha sindica, minhas ex-companheiras de bola e chopp.

O último pesadelo foi dormir com a imagem de Ivetinha grávida. Não que não pretenta a maternidade em breves 69 meses, mas, tudo ajudou a ter lembranças que nem imaginei mais ter.

A Mara se despedindo de mim com uma forma perfeita de mulher-mãe, que me tirou a última oportunidade de beijar ela. Não sei se já tivéram na indelicada situação de sua atual-ex namorada descobrir que estava grávida, e você com aquela natureza crescendo, tem que naturalmente se afastar dela por que perdeu para um homem o dom da criação...

Pesadelos se resumem talvez em últimas imagens, rever aquela ex de amor e ódio no jantar, faz a idéia de que a próxima a perder tudo será você, e o "Shot" quem vai dar não é ela.

São centenas de minutos no escuro, ouvindo um leve suspirar do lado da cama, depois do sexo cada dia melhor, numa fase em que não sei quem sou acordada, mas tenho medo de mim quando a voz ao lado se calar e vem a dormir.

As músicas acompanham a tentativa de sonho, com análises imperfeitas e certeza de que eu só preciso dormir e não ter mais memórias da meia-noite...

Desligo a tv, o dvd, ouço o som da voz que me pede novamente sexo...

"preciso não dormir, até se consumar, o tempo da gente... Depois te encontro num tempo da delicadeza"...


Bette.

segunda-feira, 20 de abril de 2009

Não desisto.."ti"


Boa Noite.
Esse post só tem destino - uma pessoa.

Oi Tina, como vai? Amanhã é feriádo ai no Brasil, e eu acho que não vai abrir a net.

Só quero te dizer que te amo.

Pensei em telefonar, mas sei que tem sua namorada e ela se chateará e você vai ficar nervosa, me atenderá diferente, falará sim, não, e sorrirá sem graça até que eu desligue.

Esse eu te amo, também não foi para o seu e-mail, porque não sei se você vai acreditar.

O te amo mesmo que de uma pessoa que sempre te deixou em segundo plano quando esteve ai vale mesmo saindo de mim.

Te amo, me dá certeza para que eu lute para um dia ficar contigo.

Não quero te propor ser minha amante eterna, como você diz que esse seria meu sonho comodista de alquém que tem um casamento nas costas e não sabe o que fazer para sair dele.

Não me diga que quero que me encontre e me dê beijos, não quero que me aceite na tua cama quando alguém sair do teu lado para trabalhar, não quero ser somente umas férias.

dizer eu te amo não responde o que vou fazer para deitar novamente ao teu lado, sem segredos, sem medos, sem telefonemas, cobranças, só tu e eu.

Até lá, se eu tivésse somente uma palavra para dizer, diria:

meuamorteamomuitoficacomigo!

Bette.

sábado, 18 de abril de 2009

o dia do fogo...

de manhã, nem saí da cama, e encontrei o vibrador dentro de mim... A cama estava vazia, e eu acho que quase estrago tudo com as mil mulheres que pensei a noite inteira.

Gisele, Tina, Jolie..até a Madonna antes de eu saber que ela caiu do cavalo (tenho respeito a pessoas que não podem correr..).

Tudo me deixando louca.

Depois dos mil multiplos bem feitos pelo famoso aparelhinho, tive de pegar trabalho, coisa séria.
A água do chuveirinho para acalmar. Dei aulas com a cabeça ainda pervertida, nadei um pouco depois do trabalho.

A mensagem veio numa hora certa, dizia: Te espero em minha casa, por favor!!!

Sim, estou a caminho. Minha resposta foi rápida, quase estava queimando, e seria naquele dia que ia apagar todo aquele fogo de mulheres. Sei que minha loucura se acaba quando provo algo longe da rotina. Rotina me acaba ladies..

E a quem não acaba.. Enfim, nada mais absurdo, eu havia esquecido o celular no trabalho, não tinha o endereço da dona da mensagem. Ai, voltar...

Cheguei no armário. 5 mensagens não lidas. Dizia: amor, vou te buscar...

Puta merda, voltei para casa, e deixei ela sem saber o que acontecia.

Casa, colchão, comida... tudo com C, nada com S de sexo, M de mulher nova...

Peguei fogo, fui a banheira, passei umas 2 hs lá, senti vontade de chorar, saí molhada completamente nua, tirei as calças, a blusa, pedi sexo, queria sexo com alguém da rotina...mesmo assim, o fogo acabou, e eu fui deitar...

Bette...

quarta-feira, 15 de abril de 2009

Teste a capacidade vibratória dos seus dedinhos

Pessoas queridas!

Testem sua capacidade vibratória, e verifiquem a satisfação proporcionada à sua parceira bem aqui:

http://www.sextoys.org/vibrate_test/

Como não utilizo desses artifícios, apenas utilizam em mim, o meu resultado foi esse:
Can you vibrate as much as a sex toy?

Created by Sex Toys.org



Adorei esse teste, gente?

xxAlicexx

O que as amigas acham dela..a Bette.

Os últimos dias foram bons. Mas, fiquei muito empolgada e com orgulho de mim, ou melhor, do que elas pensam de mim, e a confiança boa que elas depositam na Bette.

AMIGAS, SÓ AMIGAS.. é o que elas são, e eu respeito isso, muito.

Na minha fase mais carente do século, o pior é saber que elas são:

HéteroXuXuais.

São daquelas abertas, falam de tudo, lindas, mas quando é para falar da Marlene Mattos, esconde o jogo e desfaz a amizade.. Então, saibam, que essas, eu não posso nem olhar reto.

As duas sabem da Bette, as "estórias" e desventuras. E ainda me chamam de irmãzinha Bette.

Adoro elas, amigas, amigas.. eu digo para mim. Melhoro a minha mente citando o novo verbo amiga: eu amiga, tu amiga, ela amiga, nós amigas-irmãs, vós amigas, elas amigas.

No final de semana, sentada na cama, comemorando o níver do outro lado Bette, sou absurdamente deparada com a cena da Kekeu descendo a calça e puxando mais a calcinha ao lado e dizendo, olha aqui como ficou: olha Bette a minha depilação a laser... Meu deuzu..por alguns momentos pensei: esse é o presente dela?rsrs. Cruzes, amiga, amiga-irmã..

Gente, eu não estava preparada para amigas assim depravadas, e sem noção do risco. Olhei totalmente sem graça, pedi para sair e ir fui ao banheiro.

Confessei ontem a Tina que não fiquei molhada.. mas, já saibam, quando vou ao banheiro, é por que algo de terrível aconteceu... bem, essa eu superei, nada de ficar na caminha da Kekeu sentada e deixar ela ficar pelada..ui.

E ontem, 5 meses longe da lindíssima Nick, ela chega para mim, meio bebum de não sei o que, vindo beijar minhas duas orelhas, dizendo que ia mordê-las de tanta saudade. Diz, abaixa a calça para eu ver tua tatoo. E depois, fica peladona para experimentar o vestidinho lindo do outlet...

Meninas, o que elas pensam: Tá comprovado, elas não têm medo de mim.

E para finalizar, hoje recebi no msn as palavras de Kekeu, o que eu sou para ela:

Bette é como um arroz, tem receita, um copo para dois de água... Mas, ela nunca consegue acertar o ponto, faz tudo errado, quando achamos que ela vai sair linda e pronta para um relacionamento, ela aumenta o fogo e acaba com tudo..
Em vez de ser contratada pela Ana Maria, só tem vocação para ser Louro José..

Obrigada amiga, não sei o que quis dizer com isso..

Bette.

terça-feira, 14 de abril de 2009

OS PERDIDOS "A TROI"

Ontem fui deparada com um cena assistindo um filme pornô...

deixa eu só explicar antes, como esse filme foi parar na minha mão, ou melhor, na tela do Pc.

Estava baixando algumas séries, e no meio de um episódio de Lost, estava o filme que foi cenário de uma noite horrível cheia de lembranças... Como se eu tivésse caído de um avião...

Não tinha roteiro, claro, com filmes pornôs, o interesse é colocar o animal dentro da jaula, um não, mas dois. E a mulher parecia que ia morrer com dois homens dentro dela. Coitada, espero que dê um bom retorno financeiro... Já é complicado suportar um, imagina dois..

Mas, deixa eu voltar as minhas lembranças..na ilha..

Quando olhei aquela cena, um olhar de fora, um homem a penetrar uma mulher e o outro naquele espetáculo visual de agraciar-se com a imagem, voltei as lembranças nela.

Não só nela, mas no dia em que fiz aquela coisa louca de levar um amigo para o quarto com Tina. Tentar embebedá-los, achar que seria bom dar a ela um homem para conhecer o seu corpo quase virgem de homens. O segundo que ia penetrar ela, como uma espécie animal, um ato triste.

Como odiei querer testar minhas sensações. Como doeu ver sua mulher sendo possuída por um homem, e seja lá quem fosse. Doeu, mas, do que tudo.

Ela também teve ódio, mas de mim. Ódio por eu ter colocado ela naquela situação, por eu não ter perguntando a opinião dela, por ela achar que eu queria me excitar somente com uma cena diferente.

Não quero criticar casais que assim propõem aventuras ao tal Manage a Troi.. mas, não é fácil, saibam disso, principalmente quem nunca viveu isso, ver sua mulher sendo possuída por outra pessoa.

Desliguei o vídeo. Realmente eu estava "lost". Totalmente perdida com a lembrança. E viéram outras, a que ela, naquele exato momento poderia estar a ser possuída pela namorada, fazendo tudo ou mais que fazíamos.

Não sei se consigo reconhecer o corpo dela, se algum dia voltar a tocar ela novamente, não me sentirei perdida.

Não sei se perceberam isso com alguma ex (que voltou a entrar na sua cama),o quanto elas mudam, absorvem as outras pessoas. Mexem diferente, tocam mais ou menos fraco. O beijo perde uma direção, muda sua intensidade.

A dor de ter visto Tina com um homem cara-a-cara, nua, com cara de prazer (mesmo que para me magoar), é a mesma sensação que sinto com ela, no escuro, distante, a transar com a namorada dela.

Má noite, péssimas lembranças.
Bette.

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Recomeço...

Primeiramente, pintou a dúvida:

Recomeço se escreve com ou sem ínfem? Aiaia.. não se consegue nem começar algo. Cá para nós, esse acordo ortográfico nos tira de sério...

Enfim, estou querendo começar novamente, e para alguns, o ano começa depois do Carnaval, outros, os Chineses ou sei lá quem, abril é o primeiro mês do ano...

Hoje é dia 13, dia do novo!!!

Depois de sair da guerra, perder a força no canal de "Missjet" estou novamente com as energias.

Deixo esse recadinho:

Segundona gatas lindas, vamos correr, mesmo que o inverno aqui esteja voltando, temperatura baixa...Vamos viver, porque não sabemos quanto tempo ainda temos para aspirar com gosto o O2 com tanto dióxido, que parece que saímos da boite... Vamos namorar, porque sem namoro ninguém suporta.

Saiam da cama meninas, o relógio marca 6hs!!!!

Beijos.
Bette.

sexta-feira, 10 de abril de 2009

A páscoa chegou..

http://www.xvideos.com/video130840/presente_de_pascoa

Fui surpreendida hoje com esse vídeo ao levantar da cama.. que tédio..rrs.

Desejo a vocês muito namoro com vossas mulheres, ovos só se for de chocolate..e cenoura , a de verdade!!!


Bette.

quinta-feira, 9 de abril de 2009

A Pandora de Bette e Tina (do blog, claro!)

Eis-me aqui, caras leitoras, aplicando a verdadeira personalidade de Alice Pieszecki, mostando um pouco da relação de Bette e Tina (com autorização prévia de Bette, não dando brechas pra que ela venha me chamar de cobríssima), antes de um grande furacão passar pela relação delas, deixando com esse gostinho de "não terminou".

__________________________________________________
De: Bette Poter [mailto:bettepoter@hotmail.com]
Enviada em: quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008 09:10
Para: Tina Kennard
Assunto: e como fica?

É, e não sei dizer-te o que mais me desagrada nessa nossa história... Li o e-mail da Fá que ontem, me escapou aos olhos, a ponto de até mandar uma mensagem pra vc. Nem sei como não o vi lá, se agora pela manhã vejo que tem a data de ontem. Ela diz que está sentindo a falta da amizade, da namorada, da companhia... bem, acho que não demos conta, mas hoje, exatamente hoje, fazem quatro meses que eu fui embora, e faz-me falta a namorada por perto, a companhia e a amizade.

Eu vivi quase dois anos com um boneco na frente do computador chamado de Ken Praia, e acho que só persisti tanto tempo, porque tinha uma 'esperança' de encontrá-lo e viver perto um dia.

E, assim que acontece com a gente. Não sei o que pode chamar isso, fraco... covardia, seja lá o que for, eu realmente perdi as esperanças, e já estava demasiado torturoso não ter controle do futuro, da situação. Como ia te falar, mas acabei esquecendo, li umas frases no jornal, e uma delas havia assim: mudar de caminho não é não ter alternativa, ficar em um caminho sem alternativas é não ter um caminho. E, falava de que triste não é ter abandonado o barco, e sim, não poder sair dele quando já está naufragado...Que merda, acho que essas frases me complicam...

Bem, eu nem sei mais como te escrever sem te chamar de amor. Mas, deverei não fazer isso, te respeitar, não provocar... Sei, que pra quem fica, a dor é maior, pois há a lembrança dos lugares, do ar, do perfume que se solta a qualquer momento do nada. E eu aqui, só tenho uma dúzia de fotos com dizeres, uma carta, uma reloginho, um pingente, um computador com algumas lembranças de nós duas, e só... às vezes queria mais, poder me decair em lágrimas com mais pedaços de vc, uma blusa perfumada, um copo sujo de batom, mas nada. Estou sofrendo, não pense que não estou, pois apesar daquela liberdade que descrevi sentir, hoje tenho uma vazio maior ainda.

Pensei que como vc nunca havia entrado nesse quarto, ele não sentiria sua falta. Acho que vc voltará mesmo, como já disse, a ser aquela menina que encontrei lá na sala, com tua vida de balada, de amigos... e eu, acho que voltarei a me guardar na gaveta do meu trabalho, do meu estudo, e serei aquela velha descrente no amor, pois mesmo que não tenha me perguntado, ou possa pensar, eu tbm fiz o mesmo com meu novo Ken. Não posso comparar a nossa história com essa que tenho há 3 meses com ele, mas parece que eu vou novamente criando uma capa protetora contra aqueles que podem levar meu coração.

Eu lamento imenso, mesmo....não é fácil além de estar sentindo essa sensação de morte na família, te ver sofrendo. Eu fiquei preocupada quando falaste do soco, quando disse que estava decepcionada... a tua vida atual, de baladas... tudo me deixa tão responsável, e eu achando que dar cabo de nosso futuro ia ser melhor. Mas, vamos ver a longo prazo! Sei, mesmo que é melhor.

Estou então, nessa fase de querer me esconder o coração. Acho que nesses momentos torno-me em vez de BI, sem sexo, sem desejo, sem nada.

Pensei, na semana passada, quando tivemos aquela conversa de eu ficar com uma garota, que conseguiria fazer nesse nosso tempo de 'tempo'. Mas parece que sou mesmo assim, só procuro garotas para reviver o que perdi com a que vivi anteriormente, e isso talvez aconteça, mas agora, não tenho vontades de nada. Acho que não vale a pena lembrar do que vivemos, pois tbm será duro pra nós.

Mas sinto que nossa amizade tbm irá acabar, nessa mentira que tentaremos criar uma para a outra... vc e eu sem falar de nós, do nosso sentimento atual e passado. Eu vou pra vida que me espera lá fora, tentar apagar um pouco vc da memória. Cuida-te. Bju e até!!

__________________________________________________
De: Tina Kennard tinakennard@yahoo.com.br
Para: Bette Poter bettepoter@hotmail.com
Enviadas: Sexta-feira, 22 de Fevereiro de 2008 15:19:00
Assunto: RES: e como fica?

Boa pergunta... E como fica?

Não há exatamente algo que desagrada mais ou menos nessa história, pois tudo é desconfortável, tudo entristece, tudo enraivece, tudo nos enche de múltiplos sentimentos que confundem cada vez mais nossas mentes e corações.

Não que eu ache que não devas mais escrever pra mim, pelo contrário, nestes dois dias me escreveste mais que esses dois meses que se passaram, mas lendo e o fazendo novamente até cansar-me, sinto cada vez mais dureza em suas palavras e ainda em seus pensamentos quando chamas Ken Praia de boneco, de como você encara a possibilidade de novas garotas e principalmente em como você cita as frases adequando-as à sua visão do nosso relacionamento.

Bom, ontem me perguntaste se eu sentia raiva de ti. Na verdade não sei do que mais sinto raiva. Sinto raiva por sempre saber desses seus pensamentos e acreditar piamente que um dia poderia mudá-los, sinto raiva por eu ter sido a substituta e tudo estar atribuído à Mara, sinto raiva dela sem sequer conhecê-la, sinto raiva por você ter desistido, enfim, sinto raiva de inúmeras coisas. E ao mesmo tempo que sinto raiva, me sinto extremamente desapontada e decepcionada, ainda que sejam sinônimos. Todo dia quando abro meu Orkut, me deparo com este depoimento:

“Vc está simplesmente linda nessa foto. Sei o quanto fui injusta contigo, e deixei-te de lado. Mas não posso mais negar que eu te amo, amo e amo, e agora temos de viver isso, sem dor, sem culpa.. só com nosso amor. Te pedirei perdão de verdade mesmo, pelas duras palavras frias que dei-te no estacionamento do shopping. Teremos de planejar muitas coisas... mas a felicidade já foi desenhada, pois nos encontramos. Se era cumplicidade que queria, encontrei em ti. Vamos agora nos lapidar. Diga o que vc não gosta em mim, que farei o possível para mudar. Assim como direi a ti. Tive minha escolha, e essa já tinha feito desde quando te conheci, agora é viver!”

E ler isso me traz o sentimento de castração. Eu simplesmente não acreditei que você realmente estava disposta à isto, e depois me largaria numa estação de ônibus qualquer. Estou meramente desamparada, sem norte ou sul, tonta, confusa. Estou apenas aparência, mas aos prantos por dentro, louca e desesperada. Tristemente triste. Desapontadamente desapontada. Decepcionadamente decepcionada. É como se tivesse sido largada no altar, ainda que nunca tenha subido em um pra dizer.

Sei que estou sendo mais que redundante repetindo enfadonhamente estes sentimentos, mas é porque não é fácil. E ninguém disse que seria. Tens razão quando dizes que o mais fácil é se apaixonar em vez de esquecer. Esquecer... pensei que ao menos contigo eu só teria que esquecer nossos erros, pisadas de bola, e não esquecer o que sinto por ti e a esperança que em ti depositei.

Mas agora estou dividida em duas: a Tina que está jogada no chão, bêbada, desconsolada, aos prantos, se arrastando como indigente pelas ruas, e a outra Tina, que anda em seu salto, prepotente e arrogante, cabeça erguida, repleta de seu orgulho egoísta, arrastando a Tina perdedora. É essa que tem saído com amigos, que tem tratado os homens como material descartável, que tem bebido, que ignora aqueles que pisam nela, mas ainda tem aquele coração enorme onde sempre caberá mais um. E talvez seja esta que consiga mesmo erguer a outra ainda que eu a odeie também.

O que sei meu amor, é que me desconheço perante isso tudo, e que se torna ainda mais difícil superar por conta dessa maldita distância. Não ter aquele abraço confortante que certamente me faria chorar o que tenho que chorar, e as mãos percorrendo os fios de meus cabelos na tentativa de fazer a dor no coração parar, e os beijos na testa pra confortar. Ainda sim fica claro que esse alguém também não poderia ser você, já que sabemos bem como isso terminaria, como quando você foi humilhada pela Mara e correu pros meus braços pra sentir meu calor e conforto sem mencionar uma palavra sequer, e me pagou com sexo sem eu ao menos intencionar isso.

Agora dou-me realmente conta de que voltei a ser sozinha, como era antes de te conhecer, e que mesmo saindo, bebendo, fazendo sexo bom e ruim, continuo sendo aquela mesma pessoa incompleta.

E acredite em mim, não criarei mentira nenhuma entre nós, não fingirei que nada aconteceu, até porque não consigo ser tão fria (ao menos que eu me surpreenda com o retorno dessa característica em mim), nunca negarei meu passado e minha condição, afinal é isso tudo que me faz ser quem sou.

E a cada e-mail seu, compartilharei meus velhos, novos e decorrentes sentimentos.

E não me esqueci que esta semana fez quatro meses que não te abraço pessoalmente, ou vejo a nuance das cores em seus olhos. E que um dia depois de você me pedir um tempo, foi o dia em que demos nosso primeiro beijo consciente, e que segunda agora faríamos 1 ano e 3 meses. Conto esse tempo diariamente, mas vejo que terei de parar de fazê-lo.

E sobre o e-mail da Fá, como te disse ontem, te mandei uma cópia que comenta a parte da falta que pelo jeito todas nós sentimos.

Se for de seu gosto, leia.

Fim de semana chegou. Terás um tempo de minha “presença”. Ficarei em casa assistindo fervorosamente The L Word, tendo raiva da Bette por ter traído a Tina com aquela carpinteira horrorosa metida a macho, e cuidando das monografias.

Sinta-se apertadamente abraçada e beijada na testa, como eu costumava fazer, na mera intenção de consolo e carinho que tenho por ti.

Até semana que vem.

Beijo.

__________________________________________________
** esse é um email real, mas com endereços e nomes dos personagens trocados para proteção de sua privacidade.


xxAlicexx

O que fazer com elas?

Olá Ladies,



" O celular já está desligado. O telefone fora da tomada. O que vou fazer se ela bater na porta?"

Quem nunca pensou isso? Quem nunca passou pelo medo de o passado bater a sua porta e acabar com a sua nova vida?

O que fazer com elas, ou ela, uma "Crazy bitch"?

Para um bom português, deixa eu terminar e vão compreender do que estou falando...

Faz algum tempo que acabei com ela. Quis manter amizade, confiança, mas..tudo foi se perdendo com aquela ligação, com a soma de palavras na internet, os recados no blog, no e-mail, com todos sabendo do que passava, a vida estampada aos quatro ventos...

Me sinto as vezes fria e dura, mas preciso dizer que não quero mais ver ela, nem por perto, nem distante.

São mulheres que entregamo-nos, sentimos..mas, com a soma de situações constrangedoras, acabamos por limitar nosso sentimento a medo, raiva e rancor.

Estou aqui, esperando que ela vá embora desse País, Jenny vá embora, e me deixe respirar minha nova vida!

Ainda sinto amizade e carinho, mas preciso descartar também isso. Preciso que ela encontre alguém, ou me odei por inteiro...

Não estamos aqui livre delas somente como ex, ou amigas apaixonadas... pode ser qualquer pessoa que atormente nossa relação e faça o mundo girar estranho, com adrenalina negativa.

Já fui mordida, apontada e mandada embora por causa do ciúme de uma mulher assim.

Mas, quem nunca foi uma Crazy bitch em sua vida? Lembro que com a Mara, saí na chuva a 1h da manhã gritando por ela na rua...

O sentimento, se não houver controle nos deixa mulheres, putas loucas, resumindo-se a isso.

O que fazer com ela? Só preciso de distância e que ela melhore do álcool a noite, fique sem crédito para ligar, não queira chegar a minha rua, não consiga saber onde moro...

Sinto-me coagida, por que tenho uma nova relação e não quero perdê-la... Porque mesmo que em alguns momentos sinta uma certa vontade de possuir ela novamente, tenho de lembrar de que eu vou cada dia me afundar mais com ela, com essa sensação de ser perseguida.

Eu não sei o que fazer com "ela" se ela chegar perto de minha nova vida, a noite, pegar o celular ligado, o telefone na tomada e a porta da minha casa aberta...

Quem nunca teve medo delas?

Bette...
com medo de fantasmas...

quarta-feira, 8 de abril de 2009

Foto do dia - Devolva o meu dinheiro!


Me expliquem como alguém que é magro (de ruim, como diz o ditado) vai ter estratégia para não engordar e ensinar alguma coisa que presta?
Já viram minha prima naturalmente magra de ruim comendo? ela come mais que 5 pessoas juntas..
Deixa-nos aqui, né Alice, com nossos pneusinhos lindos...
Bette.
Aphe..e não venham me processar!

O sabor dos Homens...

Bem, não quero fazer clubes de Bolinha e Luluzinha, para lá com as diferenciações, cada um gosta do seu cada um..
mas, recebi esse e-mail, e achei supra.


Quem nunca recebeu uma cantada de um homem querendo te comer como se fosse um pedaço de peito de galinha ou chocolate com leite.

Aquela cara de sei lá que dá vontade colocar para fora...

Enfim,

ALMENTE TEMOS MULHER MELANCIA, MULHER JACA, MULHER MORANGUINHO E TANTOS OUTROS ADJETIVOS DESAGRADÁVEIS A NOSSA CLASSE... DIANTE DESTA NOVA MODA, SEGUEM ALGUMAS DEFINIÇÕES DO QUE DIRÍAMOS ASSIM:

REPRESENTASSEM AS IGUARIAS MASCULINAS...HEHEHEHEHEH

HOMEM Camarão : só tem merda na cabeça, mas é gostoso e você come assim mesmo.
HOMEM Caranguejo: é feio e peludo, mas você bate nele, limpa direitinho e come.HOMEM Pão : tem sempre o mesmo gosto, mas você come todo dia.
HOMEM Aperitivo : acompanhado de uma bebida você come e ainda acha bom.
HOMEM Maracujá : é todo enrugado, você come e depois sente vontade de dormir...
HOMEM Lagosta : só come quem tem dinheiro.
HOMEM Caviar : você sabe que alguém está comendo, mas não é ninguém que você conheça. HOMEM Bacalhau : você só come uma vez por ano.
HOMEM Maionese de Fim de Festa : todo mundo te avisa pra não comer, mas você come porque está desesperada; arrepende-se e depois passa mal.
HOMEM Rã : todo mundo já comeu, menos você.
HOMEM Salada : é bonito, mas quando você come descobre que não é tão gostoso assim. HOMEM Marmita : não é lá essa coisa, mas você come rapidinho.
HOMEM Cafezinho de Supermercado : você nem faz questão, mas como é de graça, você come. HOMEM Jiló : é horrível, mas você conhece alguém que come.
HOMEM Docinho de Festa : você fica com vergonha de chegar junto, então vem outra, come e deixa você chupando dedo..
HOMEM Cogumelo Venenoso : comeu, ta fudido.
HOMEM Feijoada : você come e ele fica te enchendo o dia todinho.
HOMEM Coqueiro : pode trepar que não tem galho.
HOMEM Miojo : em um minuto ta pronto pra comer.
HOMEM Coca 2 litros : dá pra seis
HOMEM pé de chuchu: Você é obrigado a comer senão a vizinha vai lá e come.
E O MELHOR DE TODOS.................................................................
HOMEM BIS : você come, repete e nem se lembra das calorias!!!!!


Beijinhos meninas!!!!!

Bette.

terça-feira, 7 de abril de 2009

A foto do dia - Com medo da Michelle!


Ok, vai dizer que não se assustou?
Não estou só falando da plantação de pés de galinha, pois eu já estou indo para lá...
Mas, o que é isso Michelle ?
A foto é de 10/02, mas merece um Flash...
A cena foi em reação à pergunta da coletiva de imprensa do filme ‘Cheri’, no Festival de Berlim, Alemanha.

Acalme-se QUERIDA Pfeiffe, o filme não é tão ruim assim!


Bette.
procurando botox..rs.


De onde vêm todas as pessoas solitárias?


Tal como "Eleanor Rigby" da inspiração de "All the lonely people, Where do They all come from?" dos Beatles - existem muitas outras pessoas que se perguntam em diferentes línguas - De onde vêm todas as pessoas solitárias?.

Eu sei que elas estão perto. Mas, de onde elas vêm?

Talvez vocês as conheça, ou as veja ao espelho. Eu sinto que nasci como ela, outras vezes toco-as fora de mim, com meu corpo, e sem dizer nada, vou embora, como todo mundo um dia fez.

De onde vêm essas pessoas solitárias também levam-se flores se elas morrem de amores?

Ninguém quer ser só, e por isso eu entendo porque minha amante deita com a mulher que não ama.

Aquela que liga a noite com a esperança de uma palavra amiga também não quis ficar só, não quis se fazer perguntas difíceis.

E eu, que entrei no seu pc e quero uma conversa normal, também tenho medo de saber que vim de um lugar das pessoas solitárias.

Tudo bem, você não é assim!

Elas estão distante, e algumas vezes se aproximam e não nos damos conta. Passam uma, duas, três vezes ao dia, e não damos bom dia, e quando ouvimos palavras de silêncio escutamos algo que diz que também viemos de lá, de um tal "porto solidão" onde cada um saiu, ou ficou, tal como Eleonor...

E justamente ai, percebemos que a alma de Eleonor pousou sobre nós, e nos permitimos perguntar uma única vez " DE ONDE VIEMOS"?

Bette,
coloca baixo astral nisso...

segunda-feira, 6 de abril de 2009

a foto do dia - Animais!



Fico feliz quando coloco no buscador: Fotos de animais, e vejo essa Tanajura do lado esquerdo tentando competir com o macaco, para ver quem tem o cérebro menos desenvolvido.

Bom dia para todas...

Bette.

sexta-feira, 3 de abril de 2009

Ligar ou não..eis a questão...

Todas possuem um carma...fantasma..encosto.
E, eu claro, tenho o meu, ou melhor, a minha...

Faziam alguns anos que não pensava em ligar a ela, mas, toda vez que me sinto sem identidade e saudosa, penso em como vai a vida - "Dela".

Algumas pessoas dizem que a primeira é a pior. Outras nem tanto. Eu julgo que em cada fase da descoberta de uma mulher vão se passando pessoas em que dão a sua flechada tão forte quanto a que a Mara e a Tina me deram.

Para quem acompanhou o começo do LEZ Girls, certamente vai saber que Mara foi a minha primeira mulher, a minha supervisora, a anja-má, aquela que me tentou de todas as formas.

Na noite de sexta-feira, bateu saudade de tudo do passado...

E pensei em ver pelo menos o rosto... Fui em minhas fotos, mas, havia queimado as fotos dela... Recorri ao orkut - procure amigos-. Fui lá. Coloquei o nome, apelido, sobrenome, cidade.. Tudo que pudesse me fazer encontrá-la. Mas, não... Desde que brigamos ela excluiu todas as formas de manter contato comigo.

Mulheres quando querem algo não desistem.. e a minha busca acabou no - Google-

Achei... quase duas horas depois vi a lista da empresa dela, com o número de telefone e e-mail. Fiquei com eles na agenda, recorri algumas vezes ao teclado para escrever um e-mail, porém ainda não tomei coragem.

Ligar ou não! O que eu vou dizer: Mara, eu sou uma cachorra, mas agora eu moro no outro lado do mundo, e agora não precisa mais me ignorar... deixa eu tentar novamente: Mara, eu queria ser sua amiga, quero saber de você, tenho saudade da nossa convivência, e não esqueça, eu moro na pqp e não corres o risco de eu bater na tua porta 5hs da manhã...

Não! muito mal...

Só queria saber como ela tá... talvez ouvir a voz dela, com aquele "xiado" lindo...

Bem, vou para casa, quem sabe um dia ela faça o mesmo e ligue dizendo: Bette, sua cachorra, tu mora no outro lado do mundo, e agora não preciso mais te ignorar...

"PENSE EM MIM, CHORE POR MIM, LIGA PRA MIM NÃO, NÃO LIGA PRA ELE.." Ui que brega!!!

Bette,
sem telefone...